Otimização de sites para motores de buscas
Diego Tillmann

Otimização de sites para motores de buscas

1491 visualizações

Otimização de site para buscas tem se tornado um termo muito comum atualmente, mas o que é exatamente isso? Quais as características que indicam uma otimização? Como efetuar uma otimização?

Bom, basicamente para um site ser considerado “otimizado” ele deve seguir as diretrizes de qualidade do Google. Nessas regrinhas temos apenas orientações básicas de como deveria ser um site de conteúdo qualificado. Orientando a não utilização de técnicas conhecidas como “Black Hat” para tentar enganar os motores de busca.

Uma grande sacada na otimização de sites para busca é trabalhar com feed rss para sites de notícias, blogs e afins. O uso de sitemap vinculado ao serviço de Ferramentas do Google para Webmasters é muito bom também, facilita bastante à indexação de conteúdo.

Outros segredos estão ligados a produção dos arquivos de páginas do site, como a semântica coerente e uso ideal das tags htmls. Clássico exemplo é o uso de tags de título (<h1>, <h2>, <h3>), fazerem uma ligação e terem sentido com o título da página (<title>). Atualmente gera bastante resultado o trabalho de “URL Amigável” na estrutura de links do site. Também existem outras continhas relevantes para os motores de buscas, como:

  • Tempo de registro do domínio (Idade do domínio)
  • Idade do conteúdo
  • Freqüência do conteúdo: regularidade com a qual novo conteúdo é adicionado
  • Tamanho do texto: número de palavras acima de 200-250
  • Idade do link e reputação do site que o aponta
  • Características padrão da página
  • Originalidade do conteúdo
  • Termos relevantes utilizados no conteúdo (os termos que os buscadores associam como sendo relacionados ao tema principal da página)
  • Google Pagerank (usado apenas no algoritmo do Google)
  • Quantidade de links externos
  • O texto âncora contido nos links externos
  • Relevância do site que linka para o seu website
  • Citações e fontes de pesquisa (indica que o conteúdo é de qualidade para pesquisa)
  • Termos relacionados na base de dados do mecanismo de busca
  • Pontuação negativa para links de chegada (provavelmente vindos de páginas de baixo valor, links de chegada recíprocos, etc.)
  • Ritmo de aquisição dos links de chegada muito alto: pode indicar atividade de comercial de compra de links
  • Texto próximo aos links que apontam para fora e os links de chegada. Um link acompanhado das palavras "links patrocinados" pode ser ignorado
  • Uso da tag "rel=nofollow" para esculpir o ranking interno do website
  • Ritmo de remoção dos links que apontam para o site
  • Uso de sub-domínios, uso de palavras-chave em sub-domínios e volume de conteúdo nos sub-domínios, com pontuação negativa para esta atividade
  • Conexões semânticas dos documentos servidos
  • IP do serviço de hospedagem e o número/qualidade dos demais sites hospedados lá
  • Uso de redirecionamentos 301 ao invés de redirecionamentos 302 (temporário)
  • Mostrar um cabeçalho de erro 404 em vez de 200 para páginas que não existem
  • Uso adequado do arquivo robots.txt
  • Frequência de tempo em que servidor se encontra ativo (Confiabilidade)
  • Se o site mostra conteúdo diferente a diferente tipos de usuários ou crawlers (cloaking)
  • Links "quebrados"
  • Conteúdo inseguro ou ilegal
  • Qualidade da codificação HTML, presença de erros no código.
  • Taxa real de cliques observados pelo mecanismo de busca para as listas exibidas na SERPs
  • Classificação de importância feita por humanos nas páginas com acessos mais frequentes – ODP

Atualmente algo que vem se tornando cada vez mais importante é a gestão de conteúdo e a presença em redes sociais. Ajudando assim a alavancar a linkagem na web referente a um site ou a uma marca se for o caso. Mas esse assunto de redes sociais fica para uma próxima oportunidade.

Existem alguns sites com ferramentas para você utilizar e medir como está seu trabalho de SEO no site, como SEO Centro e o Mestre SEO

Atualmente algo que vem se tornando cada vez mais importante é a gestão de conteúdo e a presença em redes sociais. Ajudando assim a alavancar a linkagem na web referente a um site ou a uma marca se for o caso. Mas esse assunto de redes sociais fica para uma próxima oportunidade.

Veja todos os sites desenvolvidos com SEO implementado pela agência..

Se você compartilha conhecimento ou curte o assunto comente abaixo, troque uma ideia!

Fonte de informação técnica: Wikipédia e Google


Postado por
Sou CEO da ZeroArts. E atuo como Publicitário / Designer Gráfico com especialidade em fusões. Também trabalho como Webmaster com destaque em Front-End Developer.
Postado - Modificado

Postagens relacionadas

Por que meu site não aparece no Google?

Se você chegou até aqui, provavelmente fez uma busca e não encontrou seu site, não é mesmo? Vamos listar alguns fatores que podem estar afetando seu resultado de busca, e também dar dicas práticas, para melhorar seu posicionamento. ...

Leia mais

Você tem presença Digital?

Para começar, invista em um Website e comece a se familiarizar com as Redes Sociais. Simples, né? Exige um investimento, tempo, dedicação, mas o resultado compensa....

Leia mais

A importância do Design Responsivo nos dias de hoje

Pesquisa Brasileira de Mídia 2015 revela, que a internet é o meio de comunicação utilizado por praticamente metade dos brasileiros, e que hoje, se gasta quase 5 horas por dia na internet. Dentro os usuários, o percentual de acesso à internet via computador e através de celular, estão muito próximos, mais o celular tende a ganhar cada vez mais espaço....

Leia mais

Google Fiber: a internet de 1GB/s do Google

Se ao falar em “Google” você pensa em uma organização que vai dominar o mundo depois de já estar consolidada em buscas e vídeos na internet, após Android e Google Glass...

Leia mais